Deicor prende policial acusado de assassinato e tráfico de drogas

30-11-2010 20:15

A Divisão de Combate ao Crime Organizado (Deicor) prendeu no início da tarde desta segunda-feira (29), em Macaíba, o policial militar Joniere Alves dos Santos, de 31 anos, e o irmão, o entregador Jonielton Alves dos Santos, de 22 anos. Os dois são acusados do homicídio de Josenilson Batista de Almeida, de 26 anos, envolvido com tráfico de drogas em Macaíba e morto no dia 19 de junho deste ano.

De acordo com o titular da Deicor, delegado Márcio Delgado, a vítima chegou a denunciar que estava sendo ameaçada pelo policial. Dias depois, familiares foram surpreendidos pelo policial, que entrou na residência de Almeida e desferiu três tiros na cabeça do traficante durante o sono . Em seguida, o policial foi reconhecido por parentes da vítima.

Além do assassinato, pesa sobre o acusado envolvimento com o tráfico de drogas e relação com grupo de extermínio. A polícia civil acredita que Joniere Alves ainda é responsável por outros 13 homicídios ocorridos por suspeita de extorsão e explicada por ligação com entorpecentes.

Durante a operação desencadeada pela Deicor nesta segunda-feira em Macaíba, Josenilton foi preso e levado à sua casa onde a polícia civil encontrou duas balaclavas, munições de fuzil 762, de uso restrito, além de uma arma pistola .40 e cápsulas deflagradas do mesmo calibre.

Além dos dois homens, uma mulher também foi presa pela polícia. De acordo com informações da Deicor, ela estaria associada ao policial e foi encontrada na casa da jovem grande quantidade de droga não especificada.

Segundo apuração da policial civil, o soldado Joniere Alves praticou o crime no dia 19 de junho com a ajuda do irmão. Relatos apontam para a invasão da casa de Jonielton Alves no intuito de assassinato, motivada por tráfico de drogas

Alves estava lotado no 9º Batalhão, na zona Oeste de Natal e, de acordo com o comandante geral da Polícia Militar, coronel Araújo, o policial será submetido ao conselho de disciplina e expulso do corporação.

Com o caso registrado nesta segunda-feira, chega a 30 o número de policiais desligados da PM apenas em 2010.

http://cid-1d002b0011e9dbc5.office.live.com/self.aspx/.Documents

Politica Brasil e no Mundo

 

America do Sul America